Café: Brasil exporta mais matéria-prima do que produto com valor agregado

Apesar de ser o maior produtor e exportador de café do mundo, o Brasil ainda está engatinhando no processo de agregar valor ao grão antes de ser exportado. Alguns especialistas do mercado, inclusive, não acreditam que o país tenha forças para reverter esse quadro pelo menos no médio prazo.

Por Jhonatas Simião, do Notícias Agrícolas — Apesar de ser o maior produtor e exportador de café do mundo, o Brasil ainda está engatinhando no processo de agregar valor ao grão antes de ser exportado. Alguns especialistas do mercado, inclusive, não acreditam que o país tenha forças para reverter esse quadro pelo menos no médio prazo. Em 2016, apenas 10% das mais de 34 milhões de sacas de 60 kg de café exportadas pelo país tiveram alguma forma de processamento antes de serem embarcadas.

A Alemanha tem produção zero de café, mas foi em 2016 a segunda maior compradora do grão brasileiro atrás dos Estados Unidos, e é uma tradicional “reexportadora” do produto processado, com valor agregado. O país europeu fabrica cerca de 40 mil toneladas (670 mil sacas) ao ano de café solúvel e chega a comprar mais produto já processado a granel de outros países e até mesmo do Brasil. A Alemanha exporta mais de 65 mil toneladas (1,08 milhão de sacas) do produto anualmente, isso sem contar o café torrado e moído.

O Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), vinculado ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, já fez pesquisas para tentar entender essa característica de exportação do Brasil com café e encontrar alternativas para melhorar a comercialização do grão no país. No entanto, soluções estão descartadas pelo menos no médio prazo.

“A capacidade para acessar mercados já ocupados por países desenvolvidos exige fôlego, muito investimento e inteligência. É uma coisa que leva bastante tempo e não é nada garantido. Os tradicionais países exportadores de produtos com valor agregado também se defenderão ao sentirem-se ameaçados. Eles já têm canais de distribuição e fornecedores bem estabelecidos”, disse o técnico de planejamento e pesquisa do Ipea, Rogério Freitas.

Freitas pondera que o Brasil já exporta alguns produtos com processamento interno, com valor agregado. Dentre eles, açúcar refinado e suco de laranja. “O Brasil é um tradicional exportador, mas compete com países importantes e com potencias agrícolas em geral”, reitera.

No complexo café, o solúvel tem se destacado na pauta de exportação nos últimos anos, mas ainda assim com volume muito baixo se comparado com o total exportado. Em 2016, o Brasil embarcou 34 milhões de sacas com receita de US$ 5,40 bilhões/FOB (30,15 milhões de café verde), de acordo com dados do Cecafé (Conselho dos Exportadores de Café do Brasil), e o produto industrializado representou cerca de 10% disso (3,83 milhões de sacas). Ainda assim, é o 12º produto com maior receita na pauta com R$ 615,99 milhões. Nesse montante total dos cafés verdes também entram os cafés especiais.

Participação % por qualidade nas exportações brasileiras de café Create your own infographics

“No ano passado, o Brasil exportou volume recorde de café solúvel, quase 4 milhões de sacas, mesmo com problemas na safra. O país se especializou em comercializar o produto a granel para outras origens que o processam e revendem. Apenas cerca de 10% do café solúvel exportado pelo Brasil foi vendido com marca”, explica o diretor de Relações Institucionais da ABICS (Associação Brasileira de café solúvel), Aguinaldo José de Lima.

O consumo de café solúvel no mundo cresce cerca de 3% ao ano, mais do que o de torrado. As principais indústrias de solúvel do Brasil tem capital estrangeiro.

Exportações brasileiras de café industrializado Create line charts

“Hoje existem grandes conglomerados no mundo que compram café do Brasil e reexportam. A indústria de torrefação é muito forte e nós somos um importante fornecedor de mercadoria. O mundo precisa do café brasileiro e já temos também alguns cafés com valor agregado”, pondera Lima.

O presidente do Cecafé (Conselho dos Exportadores de Café do Brasil), Nelson Carvalhaes, reforça a existência de empresas no mundo que já ocupam importante market share e defende a condição do Brasil. “Hoje existem grandes conglomerados no mundo que compram café do Brasil e reexportam. A indústria de torrefação é muito forte e nós somos um importante fornecedor de mercadoria. O mundo precisa do café brasileiro e já temos também alguns cafés com valor agregado”, afirma.

Especialista em agregar valor A Colômbia, terceira maior produtora de café do mundo e segunda de arábica, está bem à frente do Brasil quando o assunto é agregar valor ao café. O país tem investido muito em marketing desde a década de 1950, inclusive com a criação de Juan Valdez, um personagem que representaria centenas de milhares de cafeicultores colombianos. Essa e outras estratégias fez com que o mundo pagasse mais pela marca.

“O Brasil tem a maior produção mundial de café, mas o brasileiro acha que bom mesmo é o café da Itália, que não produz quase nada”, disse em entrevistado ao Portal UOL o barista Emílio Rodrigues, proprietário da Casa do Barista, no Rio de Janeiro.

Outras notícias

Consumo de café solúvel cresce 5,2% em 2023 no Brasil, para o recorde de 24,2 mil t

25 de janeiro de 2024

Esse é o oitavo ano consecutivo em que o consumo avança no país; exportação do segmento teve evolução mais discreta, de 0,4%, chegando a 86,5 mil t...

Abics forma primeiros profissionais para avaliação sensorial do café solúvel

15 de junho de 2023

Associação realizou curso de capacitação de IC Graders, que formou provadores com base na metodologia global de análise sensorial do produto desenv...

Upping the game in Instant Coffee

1 de junho de 2023

By Vanessa L Facenda / Tea & Coffee Trade Journal — A new methodology, the first of its kind, assesses the quality of instant coffee byits attr...

Exportação de café solúvel do Brasil cresce 29% em abril e 1% no ano

12 de maio de 2023

Setor é o único da cafeicultura nacional a apresentar desempenho positivo no primeiro quadrimestre de 2023 As exportações brasileiras de café so...
plugins premium WordPress